Estrela vermelha de cinco pontas em painel de metal holográfico

UM SÍMBOLO CONSAGRADO DE ORIENTAÇÃO E PODER – Painel metálico com a representação de uma estrela vermelha com cinco pontas para decoração de paredes ou cenários de eventos. A peça produzida em chapa de alumínio escovado revela reflexos holográficos com a aplicação de vernizes.

Ler mais

Guerra à guerra: apelo à paz no conflito entre a Rússia e Ucrânia

A LÚCIDA ANÁLISE DA HISTORIADORA RAQUEL VARELA – Viril não ir à guerra, é desertar; corajoso é fazer greves que doam a quem faz a guerra. Nobre é, como na II Guerra, parar fábricas e transportes; corajoso é lutar por saúde e educação contra orçamento militar. É aí que reside o humanismo radical.

Ler mais

Estrela prateada de 5 pontas como pingente de brinco ou cordão

PENTAGRAMA: UM SÍMBOLO MÁGICO DE ESPERANÇA – Bela estrelinha prateada de cinco pontas com superfície martelada e super brilhante para usar como pingente de cordão ou então em par de brincos de gancho. O pentagrama tem 3,5 cm de diâmetro e é carregado de significados políticos e esotéricos.

Ler mais

Fanatismo não é loucura: é burrice somada à canalhice e cinismo

COMO UM VÍRUS QUE CONTAMINA O TECIDO SOCIAL – O fanatismo não é uma espécie de loucura, ele tem uma estrutura própria: é burrice somada à canalhice. O fanático é burro porque aceita incondicionalmente tudo o que lhe aparece sem questionar. É canalha e cínico porque olha, mas não vê; ouve, mas não escuta.

Ler mais

‘Novilíngua’ com que os neoliberais sutilmente escravizam o povo

O ÓDIO CONTRA TODAS AS FORMAS DE HUMANIDADE – Uma reconfiguração vocabular está em curso na sociedade brasileira desde 2014 para escravizar você de um modo infalível: por você mesmo. O método é simples, o novo léxico chega diariamente pela tevê, jornais, revistas e se espalha depois como ódio pela web.

Ler mais

Uma Nação mergulhada na Zona Cinzenta da indiferença bestial

QUANDO NOS EMPURRAM PARA UMA ZONA CINZENTA – Preso pelos nazistas, Primo Levi descreveu a queda psíquica nos campos de concentração. Agora, o túnel sem luz do neoliberalismo produz o mesmo efeito. Para evitá-lo, os insubmissos com o autoritarismo precisam reatar o compromisso com a esperança.

Ler mais